Uma virtualização de servidores sem intermediários envolvidos

Procedimentos de virtualização compilados no núcleo

A diferença mais importante entre os Servidores Privados Virtuais KVM e a maioria dos servidores virtuais não é outra senão a tecnologia de virtualização. Graças aos Servidores KVM, a execução de qualquer outro aplicativo de virtualização no servidor será completamente desnecessária- ao invés as dicas de software que são precisas compilam-se como uma parte indivisível do SO do host. Este método baixa bastante os recursos de hardware que têm de ser reservados pelo próprio servidor com o propósito de rodar programas adicionais ficando os tais recursos livres a favor das máquinas guest. A eliminação da camada adicional de comunicação além disso reduz o tempo de atraso de entrada/saída, aumentando efetivamente a celeridade do Servidor VPS.
Uma virtualização de servidores sem intermediários envolvidos

Acesso direito às capacidades do servidor dedicado

Utilidade das capacidades de servidor reservado exclusivamente para si

A tecnologia de virtualização avançada usada para criar Servidores Privados Virtuais KVM possibilita a melhor utilização dos recursos de servidor existentes. O algoritmo KVM é diretamente vinculado com o sistema operacional do host e faz para as máquinas virtuais se comunicar com o hardware de forma não mediada, sem a necessidade de usar um estrato de virtualização para realizar qualquer consulta. Tal simplificação da comunicação redundante faz possível conseguir um desempenho VPS muito mais rápido.
Acesso direito às capacidades do servidor dedicado

Pleno controlo do sistema operacional

Liberdade absoluta para desenvolver o SO mais propício

Uma das limitações dos Servidores Privados Virtuais, em comparação com servidores dedicados costuma ser o SO por si mesmo – normalmente você está limitado às escolhas de SO oferecidas pelo seu provedor. Com um KVM VPS, então, será fácil pôr mais ou menos cada sistema operativo capaz de funcionar corretamente com o seu servidor e o hardware do servidor mestre. Este cenário é realizável devido à maneira única em que a virtualização KVM funciona. KVM é um componente indivisível do sistema operacional do servidor físico, fazendo com que as máquinas de convidado mantenham a comunicação diretamente com e o hardware, quando não se precisa mais de um outro nível de comunicação, que existe em muitas outras soluções de virtualização.
Pleno controlo do sistema operacional
  • Centro de Dados em EUA
  • Centro de Dados em EUA

    Steadfast, Chicago, IL